Connect with us

Entretenimento

Além do BBB: entenda a explosão da Juliette Freire

Publicado

A paraibana vem sendo referência nas redes com case de sucesso de marketing

Reprodução: Redes Sociais

Como cases de sucesso demandam cenários de novos consumos e conteúdos, o da paraibana Juliette Freire não foi diferente. Podemos explorar a valoração dos seus perfis nas redes, que trazem alto engajamento e o equivalente a 10% da população brasileira como seguidores. Por consequência, faz-se necessário que a equipe de suas redes sociais a tornem um nome forte para grandes marcas, isso porque não apenas o engajamento e números referentes a seguidores, visualizações e comentários mostram a grande força midiática e de performance diante do público que acompanha o Big Brother Brasil. A advogada e paraibana conseguiu, de certa forma, furar a bolha e criar conexão em nordestinos, mesmo aqueles que não acompanham o reality show.

A gestão, o planejamento em comunicação e a equipe atuam em busca de resultados. Para isso, há a necessidade de metas a pequeno, médio e longo prazo. Tais indicadores e metas são uma forma de direcionar e alcançar cada vez mais novos públicos, indo além do público-alvo, que seria a “bolha” de telespectadores do programa Big Brother Brasil.

Isso se dá, claro, para muito além de sua presença no reality e ações lá dentro, mas o conjunto entre propósitos, metas e discursos de sua equipe fazendo jus à tudo o que acontece na casa mais vigiada do Brasil. Ou seja, os acontecimentos dentro do confinamento foram significativos não apenas para a imagem daqueles que não eram alvos, mas para todo o grupo. Os que estavam na mira foram acolhidos, e os outros julgados, mas a partir do momento que uma equipe pega limões e decide fazer limonada, isso acontece.

A narrativa de Juliette poderia ser facilmente desprezada, caso ela e sua equipe não tivessem memorizado cada evento do início da temporada do reality show. A Rede Globo não imaginou que uma participante pudesse crescer mais que o seu próprio programa. Isso mostra a força que uma imagem pode ter, se souber usá-la. E foi o que a equipe conseguiu fazer. Explorar os acontecimentos, exaltar as atitudes louváveis, acompanhar o jogo interno da participante e, claro, crescer junto ao público, acompanhando a decisão da torcida.

Juliette Freire mobilizou contas verificadas, fã-clubes, jogadores e até artistas do mundo da música, como Anitta, Wesley Safadão, Solange Almeida e Luan Santana. A imagem da maquiadora explorou e exaltou a cultura do nordeste, mostrou amor não apenas à Paraíba, mas à região nordestina. Virou queridinha das marcas, inclusive aquelas que são patrocinadoras do Big Brother Brasil 21. O cacto virou muito mais que um símbolo nordestino de resiliência, força e resistência, virou uma torcida fervorosa, às vezes exaltada, às vezes criticada. Todos os produtos que são vinculados à marca Juliette Freire – porque sua imagem virou uma marca – esgotam, viram trends, engajamento e chuva de seguidores, tudo o que uma empresa almeja.

A importância das métricas e indicadores para novos resultados de crescimento e “mais valia” importa à personalidade um caráter próprio de sua marca: a autenticidade de sua imagem. Tais características são super valorizadas nos segmentos de atividades virtuais. No caso do Instagram da paraibana, há mais de 23 milhões de seguidores, tornando-se a mais seguida dentre todos os outros do seu elenco, mesmo ela sendo pipoca e a edição 21 trazendo personalidades já carimbadas na mídia, seja na música, seja na atuação, como Projota, Karol Conká, Carla Díaz e Viih Tube. Fazendo-a ser considerada, nessa situação, um case bem sucedido, além de crescimento nacionalmente notável e internacionalmente intrigante. Nenhuma outra edição teve um crescimento tão expressivo assim. Nem mesmo a edição de 2020, que teve grandes números alavancados pelo início da pandemia do novo coronavírus e fechamento de estabelecimentos comerciais (de maneira parcial em sua maioria).

Além da atuação massiva por parte da equipe da Juliette, há ainda uma curiosidade: em entrevista para o programa Fantástico, Candy Ferraz fala mais sobre a team da paraibana, dizendo que a equipe não é composta apenas por amigos voluntários, mas também por fãs que, através de fancam (vídeos curtos feitos para promoção da imagem da Juliette), chamaram a atenção dos familiares e amigos da maquiadora, além de ,claro, artes e edições para as redes. A base da equipe se mostra focada e unida em um propósito apenas: divulgar a nova marca – o rosto da advogada de 31 anos, que está estampada na Globo – com uma das metas sendo sua vitória no BBB 21, claro.

A eficácia e eficiência mostram resultados após pesquisas de público-alvo, técnicas e mix de marketing/comunicação. Engajamento, seguidores nas redes sociais da participante, junto ao conteúdo em massa, com identidade visual característica e original, une os resultados ao jogo, fazendo conexão entre jogo interno e externo da paraibana no confinamento.

A marca da paraibana nas redes sociais já está carimbada. Agora, empresas, como a Netflix, aderem à brincadeira de utilizar a identidade para comemorar seguidores, mas dizem ainda que a participante vai ultrapassá-los em breve.

Perfil oficial da Netflix Brasil em referência ao perfil de Juliette | Reprodução:Instagram

O público notou a semelhança entre as artes, mas para aqueles que não notaram, a Netflix fez questão de marcar a advogada. Veja abaixo a arte de comemoração de 23 milhões da paraibana, que conta com mais de 3 milhões de curtidas:

A participante paraibana Juliette Freire, chegou a marca de 23 milhões de seguidores em seu perfil no Instagram | Reprodução Instagram

Outro que entrou na brincadeira sobre identidade visual, cores, elementos visuais e comemoração de seguidores foi o poeta Bráulio Bessa, cearense que participou da música Errante, em homenagem a Juliette.

A música de Bruna Ene cita elementos da participação da paraibana no BBB além dos discursos dados no confinamento. para ouvir:

É surpreendente a quantidade de músicas feitas em homenagem a participante, jamais visto tantas versões e originais dedicadas a uma participante apenas. Juliette é favorita ao prêmio do Big Brother Brasil 21. A final do reality acontece nesta terça-feira (04), na Rede Globo.

Continue Reading
Deixe seu comentrio

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Copyright © 2018 Elo Jornal. Todos os direitos reservados. contato@elojornal.com.br

X