Connect with us

Saúde

Dia Mundial do AVC chama atenção para prevenção da doença

Publicado

A finalidade da data é conscientizar a população sobre uma das doenças que mais mata no Brasil 

O dia 29 de outubro foi escolhido para conscientizar a população sobre a importância de prevenir o acidente vascular cerebral (AVC). Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), cerca de 13 milhões de pessoas são acometidas no mundo a cada ano e dentre estas, mais de 5 milhões vão a óbito. E, embora o acidente vascular encefálico (AVE) ocorra em todas as idades, sua incidência dobra, a cada década, após os 65 aos de idade    

A fisioterapeuta e coordenadora do curso de Fisioterapia da Faculdade UNINASSAU Natal, Silvia Oliveira, explica que, o AVC é causado pela interrupção do fornecimento de sangue ao cérebro, acarretando danos ao tecido cerebral de forma transitória ou definitiva. “Ele possui grande impacto na saúde pública em todo o mundo por ser a principal causa de  incapacidades  neurológicas  em adultos,   acometendo   a   função   das extremidades  de  membros,  controle  motor, equilíbrio,  força  e  mobilidade”, pontua a coordenadora.   

  Tabagismo, uso regular de álcool, dieta pobre e inatividade podem ser fatores de risco para o AVC. Mas destaca-se também que cerca de 54% dos casos de AVC no mundo são atribuíveis à hipertensão arterial sistêmica (HAS).  O profissional fisioterapeuta é fundamental no acompanhamento e assistência dos indivíduos pós AVC.   

De acordo com Silvia, a assistência fisioterapêutica tem como objetivo principal melhorar a funcionalidade, a reinserção no meio social e, consequentemente, a qualidade de vida. “Esse acompanhamento deve ser feito ainda em ambiente hospitalar com o intuito de estimular precocemente o indivíduo a usar toda sua capacidade e a adaptar-se a nova situação, favorecendo assim, a redução no tempo de internação”, explica.    

Além disso, é de suma importância a assistência a nível ambulatorial. Onde o fisioterapeuta pode contribuir no posicionamento, nas trocas posturais, prevenção de quedas, auxílio da marcha, funcionalidade do membro acometido, podendo auxiliar ainda nas inseguranças dos cuidadores domiciliares por meio de orientações.   

A Clinica Escola de Fisioterapia da UNINASSAU Natal oferece, de forma gratuita, assistência fisioterapêutica de qualidade aos indivíduos pós AVC. Os atendimentos são realizados pelos alunos do curso de Graduação em Fisioterapia, sob supervisão dos professores de estágio.  Outras informações podem ser obtidas por meio do telefone (84) 3344-7809.  

Serviço  

Clínica Escola da UNINASSAU – Natal  

Contato: (84) 3344-7809 

Endereço: Rua Antônio Queiroz de Melo – Capim Macio, Natal – RN, 59078-290 

Continue Reading
Deixe seu comentrio

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Copyright © 2018 Elo Jornal. Todos os direitos reservados. contato@elojornal.com.br

X