Connect with us

Esporte

Plot twist: lanterna vence líder com um a menos

Publicado

Em último lugar na classificação, o Goiás enfrentou o líder Inter, e conseguiu vencer com um a menos desde os primeiros minutos do jogo

Image for post
Foto: Helber Gomes / EG

Imagine que você está em casa e vê o trailer de um filme que vai sair no cinema. Nesse filme, o líder do Campeonato Brasileiro, com um dos melhores futebóis apresentados no país, vai enfrentar o último colocado, que só tem uma vitória na competição e está com o treinador contestado.

Se imagina um massacre, né? Mas houve uma reviravolta incrível no roteiro de Goiás x Internacional, no Estádio da Serrinha.

Com três minutos do primeiro tempo, o Goiás, que já mostrava se postar defensivamente, perdeu Jefferson, que fez falta muito imprudente e foi expulso com auxílio do árbitro de vídeo.

A partir dali, o expectador poderia pensar: complicou, é só questão de tempo pro Inter começar a fazer gols, mas o enredo se desenrolou de maneira inesperada.

O Inter só foi oferecer perigo ao goleiro Tadeu aos 24 minutos, com uma falta cobrada por D’Alessandro. Depois, o esperado primeiro gol tinha tudo para sair, mas de frente para o gol, dentro da pequena área, Ábel Hernández conseguiu chutar bem fraquinho e perdeu a chance.

Numa boa partida de futebol, as “máximas” não podem ficar de fora. Dessa vez, foi o “quem não faz leva”.

O Goiás teve uma falta nada perigosa para cobrar na intermediária do campo de ataque. A bola foi alçada na área, um bate-rebate feio fez ela sobrar para Vinícius. O atacante chutou e quase em câmera lenta, viu a rede de Marcelo Lomba, que falhou no lance, balançar.

1 a 0 para o Goiás, 40 minutos depois de ficar com um a menos.

O segundo tempo, num roteiro da filmografia, poderia ser a redenção do favorito da partida, que subestimou seu adversário e, além de ter sido ineficiente, foi surpreendido.

A etapa final foi toda dominada pelo Internacional. Rodinei tentou, Pedro Henrique tentou e quem mais insistiu foi o vilão da história— Ábel, aquele que perdeu um gol feito. Ele perdeu outra chance, parando no zagueiro David Duarte e até chegou a fazer um gol, com passe de Thiago Galhardo, mas o artilheiro do time estava impedido.

A partir dos últimos minutos, os papéis dos personagens se inverteram. O atacante Rafael Moura virou zagueiro. O zagueiro Rodrigo Moledo virou atacante.

Para deixar o final do filme ainda mais emocionante, o Internacional conseguiu um escanteio no último minuto de jogo. Todos os atletas colorados foram para a área. Cruzamento feito, um amontoado de jogadores disputou a bola, mas ela parou em cima da linha, nas mãos de Tadeu, o herói esmeraldino.

Final de jogo, com a “zebra” da rodada, o final mais inesperado de todos os finais desse domingo.

Apesar da vitória, a tabela não muda tanto. O Internacional permanece em primeiro, com os tropeços de São Paulo e Flamengo. O Goiás permanece na zona de rebaixamento, mas sai da última colocação.

Image for post
Foto: Goiás EC / Reprodução

Continue Reading
Deixe seu comentrio

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Copyright © 2018 Elo Jornal. Todos os direitos reservados. contato@elojornal.com.br

X