Connect with us

Esporte

Dois tempos, dois jogos

Publicado

Inter e Fluminense se revesaram no domínio da partida: um tempo para cada. O Colorado foi mais efetivo no tempo em que dominou, derrotou o Tricolor das Laranjeiras, no Beira-Rio, por 2 a 1 e conquistou três importantes pontos

Criticado, William Pottker decidiu para o Colorado (Foto: Ricardo Duarte / Inter)

Por objetivos diferentes, Internacional e Fluminense entraram em campo pressionados neste domingo (10). Há três jogos sem vencer, o Colorado precisava dos três pontos para retomar sua caminhada rumo à vaga na Libertadores de 2020.

Já o Flu, com o Z-4 batendo à porta, queria a vitória para se afastar do perigo do rebaixamento. Assim, cada time dominou um tempo, mas o Internacional foi mais produtivo na primeira etapa e venceu o jogo.

Mesmo vaiado por conta das últimas atuações, o que cooperou para o início ruim do time na partida, a primeira etapa foi de domínio do Inter. Aos poucos, os donos da casa tomaram o controle do jogo e encurralaram o Tricolor carioca no campo de defesa.

Tamanho foi o domínio colorado, que foram três gols anotados. O primeiro, de Guerrero, bem anulado por impedimento. Os outros dois, os que de fato valeram, contaram com adendos interessantes. Iniciando pelo autor deles.

William Pottker, há tempos criticado pelo torcedor colorado, anotou o primeiro após falha de Muriel, ex-goleiro do Inter. E justo no dia em que ele ganhou uma reportagem especial da Globo, exibida no Esporte Espetacular. É complicado ser irmão do melhor goleiro do mundo. Já o segundo gerou polêmica. Torcedores e jogadores do Flu pediram toque de mão de Cuesta antes de a bola sobrar para Pottker. O árbitro foi ao VAR e confirmou o gol.

O Fluminense, que vinha de boa vitória contra o São Paulo, fora de casa, mais uma vez atacou de montanha-russa. Saiu de uma má para uma boa atuação dentro da partida, mas com um péssimo resultado ao final dela. O time dirigido por Marcão optou pelos contra-ataques, dominou a segunda etapa de jogo e até conseguiu diminuir o placar com Wellington Nem, mas foi só.

Derrota que pode custar caro ao Tricolor carioca. Caso o Botafogo pontue amanhã contra o Avaí, a equipe das Laranjeiras entrará na zona de rebaixamento. Já do lado colorado, a vitória só não o colocou de volta no G-6 por conta do gol de Marcelo Cirino, no fim da partida, que garantiu três pontos para o Athletico contra o São Paulo.

(Foto: Everton Silveira / Agência F8 / Gazeta Press)

Continue Reading
Deixe seu comentrio

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Copyright © 2018 Elo Jornal. Todos os direitos reservados. contato@elojornal.com.br

X