Connect with us

Esporte

Angel City FC: O time é a aposta de celebridades como Natalie Portman e Serena Williams para abrir novas portas no esporte feminino

Time disputará a National Women’s Soccer League (NWSL), e já conta com público considerável para um projeto recém-fundado

Publicado

Arte: @weareangelcity/Twitter

A atriz e produtora de Hollywood vencedora de um Oscar, Natalie Portman queria que mudanças acontecessem na cultura do futebol, para isso, ela decidiu que tinha que fazer sua parte.

A israelense-americana uniu um grupo de proprietários que inclui atletas e estrelas de Hollywood para fundar um tipo diferente de equipe. O investimento na causa busca promover o futebol feminino nos Estados Unidos, país que é o mais bem sucedido do futebol feminino mundial em torneios oficiais, embora inexplicavelmente não contava com nenhum time feminino em atividade no sul da Califórnia. Na busca de competitividade e representatividade dentro e fora dos campos, surgiu um novo time de futebol feminino, a nova franquia de esportes profissionais de Los Angeles chamada Angel City Football Club. 

O time disputará a National Women’s Soccer League (NWSL), e já conta com público considerável para um projeto recém-fundado, a primeira partida da equipe aconteceu na noite de sábado, 19 de março, no mais novo clássico californiano, na NWSL Challenge Cup, partida aconteceu contra o San Diego Wave FC, mais de 16 mil ingressos foram vendidos. O Angel City é o primeiro time de futebol profissional feminino da área de Los Angeles desde o fechamento do Los Angeles Sol em 2010.

O projeto foi exposto ao público em 2020, o Angel City possui um grupo de proprietárias e investidoras majoritariamente feminina, com Portman, Jennifer Garner e Eva Longoria sendo acompanhadas por nomes de peso do esporte, como Serena Williams e Billie Jean King, do tênis, e ex-jogadoras da seleção feminina do país, como Julie Foudy, Abby Wambach e Mia Hamm, além também de Julie Uhrman e Kara Nortman, que encabeçam o projeto junto a Portman, além de serem proprietárias, estão também em posições de liderança e administração do clube.

Quando a franquia de expansão foi revelada em julho de 2020, tornou-se a primeira equipe majoritariamente feminina da NWSL na liga, contando ainda com uma presidência feminina. O Angel City FC não buscou uma representatividade vaga,  foi nomeada uma mulher como a principal treinadora da equipe também, a ex-jogadora e agora técnica, Freya Coombe para o posto. Coombe deixou seu posto como treinadora do NJ/NY Gotham no final da temporada de 2021 e se juntou ao time de expansão.

Em 2021, o clube apresentou seu uniforme e para figurar marcas em sua camisa foi criado uma obrigatoriedade contratual, o principal objetivo é de que o Angel City e seus patrocinadores doem quase 2 milhões de dólares a serem utilizados em programas comunitários locais e instituições de caridade nos próximos anos.

Christen Press, atacante da seleção feminina estadunidense e que faz parte do elenco de atletas que representa a equipe californiana em campo, falou para a GQ Sports sobre a ambição do Angel City FC para dentro e fora do esporte e o impacto do projeto.

Continue Reading
Deixe seu comentrio

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Copyright © 2018 Elo Jornal. Todos os direitos reservados. contato@elojornal.com.br

X