Connect with us

Trabalho

Jovens aprendizes: potiguares detalham a experiência da efetivação no primeiro emprego

Elo

Publicado

De acordo com o CIEE, três em cada quatro jovens aprendizes são efetivados nas empresas em que atuam

O programa traz qualificação e inserção no mercado de trabalho para os jovens |
Foto: Divulgação

Estar preparado para o mercado de trabalho exige muita determinação e força de vontade. Na busca pela inserção na carreira profissional, muitas pessoas aderem ao ‘Programa Jovem Aprendiz’. É o caso de Jéssica Andrade, de 23 anos, e de Willian Medeiros, de 21 anos. Enquanto aprendizes, ambos atuavam no setor médico. Após a efetivação, passaram a atuar no departamento pessoal de uma empresa na capital potiguar. “Um divisor de águas em minha vida”, afirma a garota. “Uma experiência que marcou a minha vida”, dispara William.

Melhorar a qualidade de vida, ajudar na renda familiar e ter uma melhor qualificação profissional são os principais objetivos desse público. “Tem me ajudado a ter uma estabilidade e a concluir minha faculdade de Engenharia Civil”, conta Mikael Vinícius Martins, 21 anos.

Os três jovens iniciaram a vida profissional na JMT Service, empresa referência em terceirização de mão de obra e uma das instituições potiguares que se destaca em contratação de jovens aprendizes. Para a gerente administrativa da instituição, Jerlani Alves, dar oportunidade do primeiro emprego para os jovens é abrir caminhos para um futuro promissor. “Acreditamos que a empresa também é um espaço de aprendizagem e desenvolvimento pessoal. Nessa perspectiva, avaliamos o Programa Jovem Aprendiz como um diferencial para todos”, avalia.

A efetivação de jovens aprendizes no mercado de trabalho tem sido uma realidade bastante comum no Brasil. De acordo com um levantamento realizado pelo Centro de Integração Empresa-Escola (CIEE), responsável pela formação de jovens aprendizes, três em cada quatro jovens que aderem ao programa, são efetivados nas empresas em que atuam.

“Eles são proativos, cumprem metas e objetivos, e o mais bacana de tudo é que estão sempre disponíveis para aprender coisas novas. É sempre bom poder contar com esses homens e essas mulheres, que se lançam no primeiro emprego com muita garra, vestindo sempre a camisa da empresa”, complementa Jerlani Alves.

Sobre o Programa Jovem Aprendiz
Para participar do Programa Jovem Aprendiz, é necessário inscrever-se no site do Centro de Integração Empresa-Escola: www.portal.ciee.org.br/. Selecionado, o participante é encaminhado para a empresa contratante, onde dá expediente quatro dias na semana. No quinto dia, o jovem participa de capitação no CIEE para realização de atividades sobre desenvolvimento interpessoal e a área de atuação escolhida no ato da inscrição.

Continue Reading
Deixe seu comentrio

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Copyright © 2018 Elo Jornal. Todos os direitos reservados. contato@elojornal.com.br

X