Connect with us

Esporte

Script já conhecido

Marcos Vinicius

Publicado

A sina de Coudet sem vencer clássicos no comando do Internacional continua, agora são seis jogos, contando com 1 a 1 deste sábado na Arena do Grêmio

Image for post
Foto: Lucas Uebel/Grêmio Fpba

Um clássico inaugurou a 12ª rodada do Brasileirão, Internacional e Grêmio entraram em campo para disputar o sexto duelo entre as equipes neste ano e o primeiro no Campeonato Brasileiro. O retrospecto no Gre-Nal, em 2020, favorecia Renato e seus comandados, até a partida deste sábado eram quatro vitórias e um empate.

Porém, o dominante Imortal nos clássicos não é o mesmo do Brasileirão, ocupa a 15ª colocação na tabela e conseguiu apenas dois triunfos na competição. Aproveitamento totalmente diferente do Colorado, que não vai bem no confronto estadual, mas é vice-líder no Campeonato Brasileiro.

O roteiro da partida se desenhou bem parecido a de outros Gre-Nais, desse modo o Internacional tinha maior posse de bola. Nos primeiros 45 minutos foram 59% contra 41% do Grêmio, que buscava concluir jogadas em gol e, por isso, criou mais chances de abrir o placar dentro de casa.

Contudo, o marcador seguiu a lógica dos confrontos entre os dois clubes no primeiro tempo e terminou 0 a 0. Na volta dos vestiários um personagem conhecido dos clássicos entrou em cena e deu continuidade ao script da partida: Pepê, que havia marcado no último duelo entre os times na Libertadores balançou a rede outra vez e deixou o Tricolor gaúcho em vantagem no jogo.

Não seria surpresa se após o gol a partida tomasse contornos violentos, no histórico dos Gre-Nais em 2020, eram 10 expulsões em 5 confrontos, logo não demorou, e Musto fez parte da estatística negativa depois de receber o cartão vermelho aplicado por Raphael Claus.

Em vantagem numericamente, Renato e seus comandados encaminhavam a 4ª vitória consecutiva sobre o Inter de Coudet, mas por um instante o roteiro foi ignorado e Galhardo, de pênalti, empatou o confronto, além de marcar também o primeiro gol Colorado em um clássico neste ano.

Porém, tudo voltou ao normal quando Cortez levou o segundo cartão amarelo seguido do vermelho no jogo e dessa forma empatou em números o duelo que estava igual no placar.

Dessa forma um filme semelhante entre Tricolor e Colorado ocorreu na Arena do Grêmio: Renato Gaúcho continua sem perder clássicos há quase dois anos e Coudet desde de que chegou não conhece o gosto da vitória em um Gre-Nal.

O resultado não trouxe nenhuma mudança drástica para a tabela, os dois permanecem na 2ª (Internacional) e 15ª (Grêmio) colocações, porém, a invencibilidade no confronto mexe com a moral das equipes, logo que uma busca a recuperação na classificação e a outra briga pelo título.

Image for post
Foto: Lucas Uebel/Grêmio Fpba

Continue Reading
Deixe seu comentrio

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Copyright © 2018 Elo Jornal. Todos os direitos reservados. contato@elojornal.com.br

X