Connect with us

Esporte

VAR, lei do ex e vitória do Flamengo

Marcos Vinicius

Publicado

No replay do confronto entre o campeão e o vice do Campeonato Brasileiro de 2019, o Flamengo venceu o Santos por 1 a 0 num jogo recheado de polêmicas na Vila Belmiro

O idêntico placar e marcador desta partida me fez recordar do duelo que coroou o título simbólico do primeiro turno do Flamengo no Brasileirão de 2019 e este texto também poderia ter uma manchete parecida com o daquela partida que ocorreu no dia 14 de agosto, porém, os fatores extra campo fizeram com que dessa vez o jogo na Vila Belmiro fosse bem diferente.

Para quem não acompanhou o texto do jogo do primeiro turno de 2019 👇Título simbólico no jogo de detalhesNum jogo em que a margem de erro deve ser mínima, toda atenção e concentração é pouco. A magra vitória rubro-negra, no…medium.com

As cornetadas sempre surgem quando o assunto é Flamengo ou Santos, já que a qualidade dentro do campo caiu bastante em comparação ao ano passado. Contudo o jogo válido pela sexta rodada do Brasileirão deixou esse papo em stand-by.

Dentro de campo quem tomou a iniciativa foi o Santos aos gritos de Cuca, “sai jogando”. Em uma jogada trabalhada, Marinho chegou pela primeira vez ao ataque e parou em Diego Alves. A resposta do Flamengo saiu dos pés de Michael que errou o alvo com o gol livre.

Então, nesse lá e cá entre Alvinegros e Rubro-negros não demorou até que um dos times balançasse a rede. O Santos abriu o placar com Raniel, mas na revisão do gol, o árbitro de vídeo anulou o tento e marcou impedimento.

Alguns minutos após a anulação do primeiro gol, o VAR entrou em ação novamente, agora com o auxilio de Wilton Pereira de Sampaio, que foi até a cabine inspecionar o lance numa nova marcação de impedimento.

A dúvida naquele lance era se teria ocorrido uma participação ou não de Jobson no momento do cruzamento de Marinho. Depois de seis minutos de espera Wilton sinalizou a irregularidade erroneamente, logo que o volante santista não atrapalhou Diego Alves que falhou no lance e sofreu o gol.

Mesmo com dois gols anulados, o Santos continuou com o controle da partida e o Flamengo, dentro do seu modo de jogo, abdicava de estar com a bola para tentar contra-atacar.

Aos poucos Domenec vai implantando seu estilo no Flamengo e pode pôr na conta dele o resultado positivo deste domingo. Por estar recuado no duelo, ele proporcionou a equipe saídas rápidas ao ataque, enquanto o time de Cuca errava passes. Em um lance despretensioso de escanteio, Gabriel Barbosa interceptou o passe de Felipe Jonathan e encontrou a defesa santista fora de posição e ele mesmo depois de receber a bola de Michael inaugurou o placar, com a sinalização de gol legal do VAR.

Dessa forma, Gabigol repetia a dose e marcava pela segunda vez contra seu clube formador. 1 a 0 para Flamengo nos primeiros 45 minutos do duelo.

No segundo tempo, o Santos tomou as rédeas do confronto, mas não conseguia transformar esse domínio em gols por causa da ótima atuação de Diego Alves, que estava num dia inspirado. E até quando o arqueiro não conseguiu evitar o chute de Carlos Sánchez, viu o uruguaio isolar a melhor oportunidade do Alvinegro no segundo tempo.

Com a mesma estratégia do primeiro tempo, na maior parte da etapa final, o clube da gávea criou lances perigosos, mas não aproveitou essas oportunidades que por acaso não fizeram falta no triunfo por 1 a 0 na Vila Belmiro.

O resultado positivo mostrou uma coisa que era óbvia neste Brasileirão. O Flamengo com o plantel que tem não iria brigar na parte subalternas da tabela. Agora a equipe carioca está na primeira metade da tabela e ocupa o 9º lugar, uma posição a frente do Santos.

Image for post
(Foto: Alexandre Vidal / Flamengo)

Continue Reading
Deixe seu comentrio

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Copyright © 2018 Elo Jornal. Todos os direitos reservados. contato@elojornal.com.br

X