Connect with us

Gastronomia

Dia do Chocolate: ele engorda ou faz bem à saúde?

Ju Menezes

Publicado

Nutricionista traz segredos para incluir o chocolate sem culpa na dieta

Foto: Reprodução | Internet

Nesta terça-feira (07), é celebrado em todo o mundo o Dia Mundial do Chocolate. Amado por muitas pessoas e símbolo de carinho para com o outro, também, esse alimento gera uma dúvida para muita gente. O chocolate engorda? Em quantidades menores faz bem à saúde? A nutricionista e professora do curso de Nutrição da Faculdade UNINASSAU Caruaru, Lilian de Lucena, responde essas e outras perguntas e dá dicas de como aproveitar o chocolate sem culpa.

Segundo a profissional, o segredo para que o chocolate seja inserido na dieta sem culpa é ter atenção às quantidades, frequência de consumo e escolher versões mais saudáveis, dando preferência àqueles que contenham em sua composição nutricional maior teor de cacau. Este além de servir como base para elaboração do chocolate, é nesse fruto que se encontra grande parte dos benefícios nutricionais atribuídos ao chocolate.

Quanto aos benefícios, a nutricionista cita: presença de neurotransmissores como a serotonina e dopamina, relacionados à redução de sentimentos depressivos, sensação de bem estar, prazer e felicidade. Ainda segundo a professora, o cacau possui magnésio, ferro, vitamina C, vitaminas do complexo B, Ómega 6, antioxidantes e catequinas (auxiliam positivamente no sistema cardiovascular) além de ser riquíssimo em flavonoides que têm a capacidade de reduzir o LDL (“colesterol ruim”) e elevar o HDL (“colesterol bom”). 

A níveis cerebrais, o chocolate também estimula a liberação de endorfina no cérebro, que proporciona sensação de prazer e aumenta a disposição mental, além de melhorar a comunicação entre os neurônios. Vale ressaltar que os chocolates nas versões 100% cacau, amargo, que contém mais de 70% de cacau, conhecido também como intenso ou escuro e meio amargo ou dark (em torno de 45 a 69% de cacau em sua composição) são considerados mais saudáveis.

“Já os chocolates ao leite ou chocolate branco possuem uma porcentagem reduzida ou isenta do cacau e, em contra partida possuem em sua composição grandes quantidades de gorduras saturadas e açúcares. Isso confere elevado valor calórico a esse alimento, anulando, praticamente, todos os benefícios nutricionais citados e conferindo ao consumidor, dependendo da quantidade consumida, quilos a mais na balança”, explica a nutricionista sobre o chocolate branco ou ao leite.

Diet ou light?

A professora da UNINASSAU também destaca sobre os chocolates diets e light. “Nessas versões há a diminuição (light) ou retirada (diet) de algum ingrediente, principalmente o açúcar. Assim, a substituição por outro ingrediente (como adoçantes artificiais ou mais gorduras), torna muitas vezes essas versões uma bomba calórica. Uma dica é a leitura dos rótulos do chocolate, que devem ter como primeiro ingrediente listado na composição o cacau ou massa de cacau e que os últimos sejam a gordura e o açúcar”, alerta Lilian de Lucena.

Continue Reading
Deixe seu comentrio

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Copyright © 2018 Elo Jornal. Todos os direitos reservados. contato@elojornal.com.br

X